25 de março de 2009

Blog em crise e o caso "Ruth de Aquino"


Está difícil escolher sobre o que escrever no próximo post, não por falta de idéias, mas por excesso! Nas últimas semanas, baixei váááários artigos interessantes sobre assuntos que gostaria de discutir aqui. A maioria...mentira, todos são sobre genética molecular: controle espacial da expressão gênica, redundância genética, long non coding RNAs, transferência lateral de genes, além de alguns papers sobre o uso de técnicas moleculares na ecologia e na ecotoxicologia e também algumas questões mais metodológicas sobre clonagem e outras coisas que tenho feito...afe, eu realmente gosto de genética! Hoje estou mais certa disso do que quando eu fazia o bacharelado de genética hehehe

Bom, mas eu queria comentar sobre uma reportagem publicada na revista época de autoria da Sra. Ruth de Aquino, redatora chefe da revista em questão: “O besteirol na ciência é melhor que no senado - Ler sobre pesquisas científicas de universidades respeitadas é uma receita certa para dar risada.” Eu não leio esta revista, mas infelizmente muita gente a lê. Fiquei sabendo sobre a reportagem nos blogs discutindo ecologia e brontossauros em meu jardim. A autora tenta ridicularizar a ciência através de argumentos fracos e resumindo-a a meia dúzia de estudos de meia tigela que infelizmente existem por aí. O problema é que muita gente lê esta bendita revista e nem todos os leitores são críticos o suficiente para perceber as falácias na reportagem. Mas isso tudo me faz pensar em como ainda há uma grande carência de divulgação científica digna no Brasil, de meios que discutam e levem a ciência até a sociedade, até as pessoas que não são cientistas e que não estão na universidade, mas que financiam o que é feito dentro dela. A ciência não é apenas para os cientistas e produz conhecimento que é do interesse de todos. Acho que é obrigação de quem está numa universidade pública e fazendo ciência com verbas públicas dar este retorno a sociedade. E tendo como exemplo a reportagem citada, a primeira lição que eu acho que a ciência tem a ensinar as pessoas em geral é a serem críticos. Quando se lê ou assiste qualquer coisa, antes de tomá-las como verdade, temos que ser críticos e questionar os argumentos mostrados (quando existem!). Pensar e questionar antes de se deixar convencer. Não é por que está na revista época, ou na revista X ou na TV que são sempre informações corretas. Em relação à ciência, então, é onde mais se fazem interpretações grosseiramente erradas...

Eu tenho visto muitos blogs de divulgação científica legais. Embora a internet não alcance a todos é uma boa ferramenta, considerando que atualmente somos mais de 20 milhões de brasileiros conectados. Mas este blog não é um blog de divulgação científica, pois não escrevo para um público leigo. Na verdade, sinceramente, eu não penso muito em quem vai lê-lo, pois eu sei que praticamente só 3.45 pessoas o lêem (e de vez em quando) hehehe. Além do que, a idéia inicial era fazer um blog para discutir protocolos, como "sugestão" do meu querido orientador Mauro. Mas é um bom exercício. E gostei desta coisa de blog! hehe mas diante disso tudo pensei em de repente tentar fazer um blog de divulgação científica de verdade, para “não cientistas”. Não seria muito, não alcançaria muita gente, mas já seria alguma coisa...além de um desafio para mim, escrever sobre ciência em uma linguagem compreensível para as pessoas em geral. A primeira parcela do meu débito com a sociedade. Vamos ver se eu dou conta! Enquanto isso, continuarei escrevendo “para as paredes” aqui sobre assuntos que interessam a mim e meia dúzia de pessoas no mundo todo...hehehe

6 comentários:

Vania brasiliensis disse...

ora, vamos encher o saco desta mulher! ela merece! eu ja ja vou escrver um email pra ela! adoro essas coisas! hehehe

Juliana Americo disse...

hehe escreve, sim! E publica o e mail em algum lugar. Já tem vários comentários na reportagem e também vários posts em blogs sobre ciência. Mas eu duvido que ela responda ou emita alguma declaração...

Juliana Americo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
salem disse...

hehe pois é, mas pelo menos enchemos o saco...
e eu gostei dessas suas idéias, até me inspirou um pouco. daqui a pouco se eu tiver um tempo vou tentar fazer um blog desses tb!!

Fabricio disse...

Pois é Juliana. A mídia está cheia de informações incorretas sobre a Ciência - algumas por pura ignorância, outras por má fé mesmo!

E a divulgação científica é realmente essencial!!! Afinal, cada brasileiro contribui com o seu suado salário para que nós estejamos trabalhando em nossos laboratórios. Eles têm que ser informados dos resultados de todo esse dinheiro, independente se "serve para os humanos" ou não. Quando comecei meu blog, pensei em atingir um público não-cientista, por isso tento usar uma linguagem mais simples possível e acabo omitindo alguns detalhes. Mas, devido à formação que recebemos, aprendemos a "linguagem científica", que é pouco entendida fora desse meio. Aí, quando vamos passar isso adiante, surge a dificuldade.
O importante é não desistir!!!
bjs =**

Marco Nunez disse...

O caso RUTH DE AQUINO na Revista Época, dos Marinho

=== À Dilma Rousseff, Rosa Weber e Cármen Lúcia: Que 'babado', Excelentíssimas, Que Babado!!! Revista Época ===

-SAIBAM QUE EU SOU UMA GAROTINHA!

"Eles vêm aqui, diante do Supremo Tribunal Federal, dizer assim na maior cara-de-pau: 'Excelências, nós não fizemos nada que está aí na AP-470, só fizemos Caixa 2... e matamos um prefeito em Santo André, mas Mensalão NUNCA existiu, não!'" (Ministras Rosa Weber e Cármen Lúcia, indignadérrimas no plenário do STF)

Meninas do STF e da Presidência da República, Vejam que "babado" tá rolando lá na farsante Revista Época, dos Marinho: presidenciadarepublica-peticao.blogspot.com.br/